Endometriose e Gravidez – Até aonde pode afetar?

Curtir

Endometriose-e-Gravidez-2

Se você tem endometriose, provavelmente perguntou ao seu médico, ou a si mesma: “Até aonde a endometriose pode afetar a minha capacidade de engravidar?” A resposta é: “Pode-se tornar mais difícil para você ficar grávida.”

Estudos mostram que cerca de 21 a 44 por cento das mulheres que são inférteis têm endometriose, mas apenas 4 a 22 por cento das mulheres que são férteis tem endometriose. O que não sabemos, no entanto, é se é a própria endometriose que traz os impactos na capacidade de uma mulher engravidar. Isso também não significa que você não vai ou não pode engravidar.

Aqui está um breve resumo sobre Endometriose e Gravidez, para que possa engravidar e ter uma gravidez saudável para você e seu bebê.

Endometriose e Gravidez – Tire suas dúvidas!

Endometriose-e-Gravidez-1

Ter endometriose me faz menos fértil?

É possível. Há evidências de que as mulheres com endometriose mínima ou leve são menos férteis do que mulheres sem endometriose. Além disso, quanto pior a endometriose, menor a taxa de fertilidade nas mulheres. Até mesmo para mulheres que se submetem a inseminação artificial, em que o esperma é colocado diretamente no útero, onde ele tem a melhor chance de encontrar-se com um óvulo.

O que está por trás da ligação entre endometriose e problemas de fertilidade?

Uma teoria que está recebendo muita atenção mostra que pode relacionar a uma condição de imune subjacente que aumenta a inflamação. A inflamação é causada, em parte, por produtos químicos chamados citocinas, lançado quando o sistema imunológico espalha para corrigir um problema. O tecido endometrial fora do útero é, certamente, um desses problemas! E, de facto, estudos encontram níveis mais elevados do fluido de citocinas  no interior do peritoneu, que encerra os órgãos gastrointestinais e reprodutivos.

Outros estudos mostram que altos níveis de citocinas podem afetar negativamente não só a fertilidade, mas o resultado da gravidez e da saúde dos embriões. As citocinas também podem afetar a saúde de seus óvulos, como mostram alguns estudos, que as mulheres com endometriose têm mais problemas relacionados com a sua capacidade de produzir óvulos saudáveis ​​do que aquelas sem. Óvulos não saudáveis ​​são muito menos propensos a levar a uma gravidez mesmo se um espermatozoide alcançá-los.

Há estudos que estão se concentrando sobre os potenciais benefícios de medicamentos anti-inflamatórios para tratar a endometriose.

Se eu tiver a endometriose posso submeter a técnicas de reprodução assistida, como a fertilização in vitro?

Com certeza. Na verdade, a fertilização in vitro e técnicas similares oferecem uma opção muito boa para mulheres com endometriose. No entanto, deve saber que as taxas de sucesso de fertilização in vitro em mulheres com endometriose são quase a metade do que em mulheres com outras razões para a sua infertilidade. Assim, mesmo com toda a conexão de endometriose e fertilidade, no entanto, nós ainda não sabemos exatamente o que está por trás dessas menores taxas de sucesso.

Um ponto positivo nesta área (embora a pesquisa ainda é preliminar) vem com injeção intracitoplasmática (ICSI) de espermatozoide. Neste processo, um único esperma é injetado para dentro do óvulo, em seguida, o embrião resultante é implantado no útero. Dois estudos mostram que as taxas de sucesso em mulheres com endometriose são semelhantes aos de mulheres sem a condição.

O que eu devo fazer se eu quero ter um bebê?

Comece cedo. Embora não tenha estudos para provar em mulheres com endometriose, sabemos que as mulheres em geral, são muito mais propensas a engravidar quando estão em seus vinte anos do que quando estão em seus trinta e quarenta. Desde que, saiba que tem um risco maior de problemas de fertilidade do que uma mulher sem endometriose, e queira por a seu favor. Isso significa não só começar uma família mais cedo ou mais tarde, mas também concentrar em sua saúde geral.

Uma mulher que mantém um peso saudável, come uma dieta rica em frutas saudáveis, legumes e cereais integrais, e começa um exercício regular, tem um corpo mais preparado para nutrir um embrião. Acredite, seu sistema reprodutivo capta isso; é por isso que as mulheres muito abaixo do peso ou sobrepeso, ou mulheres que estão desnutridas, são menos propensas a ficarem grávidas, pois, seus corpos não estão em boa forma para a gravidez.

Também recomendamos que consulte um especialista em infertilidade, o quanto mais cedo, se quer ter um filho. Se você tem tentado por seis meses e ainda não teve o resultado, marque uma consulta.

Acima de tudo, não entre em pânico! Cada dia nos traz informações sobre novos tratamentos e opções quando se trata de mulheres com endometriose, inclusive mulheres grávidas com endometriose, ajudando-nos a ter nossos bebês saudáveis.

Você tem mais informações sobre endometriose e gravidez? Deixe seu comentário!

LEMBRE-SE: Sempre busque um médico ou especialista para um diagnóstico preciso e um tratamento correto para seu caso. Nosso conteúdo é apenas de caráter informativo.

Você também pode gostar...


Carregando...

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *