Musculação ou Treinamento funcional? Veja indicados!

Curtir

O que é mais seguro: Musculação ou Treinamento funcional?

Musculação-ou-Treinamento-funcional1

Se seu objetivo é ganhar massa muscular, portanto, a musculação é a opção mais apropriada.

Se você tem uma programação previamente montado e bem acompanhado, ambos não apresentam perigo, afirmam profissionais. Mas como o treinamento funcional é organizado em movimentos naturais, como os realizados no dia a dia, exemplo: pular, correr, puxar, agachar, empurrar, e necessita de agilidade e consciência corporal, ou seja, habilidades obtidas com o ato constante da atividade, portanto, a musculação possa ser a modalidade mais indicada para iniciantes.

Vejam também:

Musculação ou Treinamento funcional, qual delas produz mais resultados?

Musculação-ou-Treinamento-funcional2

Se você busca força, exercícios diferentes, emagrecimento e definição, o treinamento funcional é a mais adequada.

Mulherada, não existe uma melhor ou pior, e sim aquela a que você mais se adequar e que esteja de acordo com sua meta. Se seu objetivo é ganhar massa muscular, portanto, a musculação é a opção mais apropriada. Mas se você busca força, exercícios diferentes, emagrecimento e definição, o treinamento funcional é a mais adequada.

Quais são os Mitos e Verdades das academias?

A academia de ginásticas é um terreno fértil para as informações equivocadas. Especialistas em fisiologia tiram algumas de nossas dúvidas:

Musculação-ou-Treinamento-funcional-mito-verdade

  • Para emagrecer, devo me dedicar em atividade aeróbica e musculação.

VERDADE – Exercícios cardiovasculares são excelentes para derreter a gordura, que é a principal meta de quem quer emagrecer. “Mas se você acrescentar um treino de força à sua rotina, ajuda no ganho de massa muscular, que por sua vez aumenta a taxa do metabolismo e conduz a maior gasto calórico, contribuindo na perda de peso”, explica o treinador. Mas é preciso também ter foco na alimentação.

  • Só começamos a queimar calorias depois de 30 minutos de atividade aeróbica.

MITO – A partir do primeiro momento do exercício, o corpo está usando gordura como fonte energética, claro que a princípio em pequena proporção. Acontece que, para emagrecer de verdade, esse gasto precisa ser expressivo, o que começa a ocorrer, portanto somente após 30 minutos de treino contínuo.

  • Na musculação, quanto maior a carga, maiores serão os resultados.

MITO – Os resultados não decorrem apenas do aumento de carga. “É relevante levar em conta outras variáveis, como amplitude do movimento, velocidade de execução e até alimentação e descanso”, argumenta treinador.

  • É possível diminuir a celulite com malhação.

VERDADE – Não dá para eliminar de vez o problema, mas você pode atenuar o aspecto com um programa apropriado de exercícios e dieta balanceada. “A atividade física contribui na eliminação do acúmulo de gordura localizada.”

Hipertensão

Musculação-ou-Treinamento-funcional-hipertensão

Leg press.
O exercício não é proibido para hipertensas.

Quem tem pressão alta costuma evitar alguns aparelhos de musculação, entre eles o leg press 45. Como a cabeça fica em posição inferior às pernas, há o receio de que o coração acabe sobrecarregado com o retorno de sangue. Não se trata exatamente da posição: o aumento da pressão arterial (PA) é diretamente proporcional a fatores como carga, grupo muscular e o tempo de contração no movimento, fala o professor de educação física Alexandre Gonçalves. O exercício não é proibido para hipertensas, até porque é importante para o fortalecimento das pernas, mas é preciso executá-lo de forma segura. Opte pelo treinamento fracionando. Como a principal variável a ser controlada é o tempo de contração, no lugar das séries de 12 repetições, faça três subséries de quatro repetições cada uma, com intervalo de dez a 15 segundos entre elas. Assim, evita o pico de PA prolongado, pois a pressão cai após 10 segundos de recuperação.

Escolheu qual o seu melhor treinamento? Musculação ou Treinamento funcional?

LEMBRE-SE: Sempre busque um médico ou especialista para um diagnóstico preciso e um tratamento correto para seu caso. Nosso conteúdo é apenas de caráter informativo.

Você também pode gostar...


Carregando...

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *